Title
English Greek Japanese Korean Portuguese
Home Oftalmologia Geral "É difícil se adaptar com os óculos multifocais?"
"É difícil se adaptar com os óculos multifocais?" E-mail

Pergunta muito frequente no consultório oftalmológico e difícil de responder.

A boa adaptação de um óculos multifocal começa sempre com um bom exame ofttalmológico e termina com uma medida e montagem precisa na Ótica. Outros fatores importantes a serem considerados são: profissão, nível de exigência do paciente e qualidade da lente prescrita.

A começar pela escolha da Ótica, esta deve ser de confiança. A montagem das lentes multifocais exige maior habilidade e acurácia que a montagem de uma lente simples (miopia, astigmatismo e hipermetropia). Isso porque as lentes multifocais corrigem tanto a visão de longe e perto na mesma lente e uma pequena alteração podem comprometer essa qualidade.

Saber a profissão é de extrema importância, pois há lentes que privilegiam a visão de perto em detrimento da de longe e vice-versa. Por exemplo: motorista de caminhão exigem melhor visão para longe; dentistas exigem qualidade de visão para meia-distância e perto; Costureira exigem para perto. Para as pessoas que se preocupam com a estética em armações pequenas, há lentes multifocais mais finas e estreitas (exigindo uma altura minima de montagem). Para pacientes que se preocupam com a visão de meia distância e perto há lentes no mercado específicos para esse fim.

Veja um exemplo de lentes multifocais com diversas características:


tabela_hoya

Quanto a escolha da lente multifocal, há diversas marcas disponíveis no mercado. Em matéria de lente, existe uma regra: quanto mais caro for a lente, melhor é a tecnologia empregada e portanto melhor será a sua qualidade de visão para longe / meia-distância / perto. Outra premissa falsa é: "vou começar a usar uma lente multifocal mais barata e depois, se eu me adaptar, vou fazer outra mais cara futuramente". Essa premissa é falsa porque a quanto mais tecnologia empregada na lente, melhor será a sua adaptação.

As lentes "top de linha" hoje são as lentes chamadas personalizadas ou individuais. São lentes que fornecem uma excelente qualidade para todas as distâncias por possuirem menor zona de aberração periférica (Exemplo: Hoyalux Lifestyle ID) e por empregarem alta tecnologia digital na sua confecção. Veja em exemplo da diferença de imagem que elas proporcionam:

hoyalux

Atualmente com a alta tecnologia e boa qualidade de lentes multifocais disponíveis no mercado dificilmente um paciente não irá se adaptar com os óculos multifocais.

Autor: Dr Alexandre Misawa